Buscar
  • CS Grow

Cultivo outdoor - compreendendo fotoperíodo (parte 1)



Prezados Parceiros Growers,



Cultivo outdoor é a pratica de cultivar em locais abertos, ao ar livre. Diferente do cultivo indoor onde a planta fica em um espaço limitado, no outdoor não há limite se você der um grande espaço para as raízes se desenvolverem. Outra vantagem do cultivo outdoor é a economia de energia elétrica, utilizando a melhor luz que uma planta precisa para se desenvolver, a luz do Sol. Esse tipo de cultivo, por estar em lugar aberto fica mais suscetível às ações do tempo como chuvas e vendavais. Também está mais suscetível às pragas, em um número muito maior que no indoor. E por não termos domínio sobre a quantidade de horas no dia, devemos conhecer bem sobre o clima e o fotoperíodo das estações em cada região, e do fotoperíodo e clima necessário para a planta se desenvolver bem.


Como sabemos a Terra realiza 2 tipos de movimentos principais: rotação e translação. A rotação é o giro que o planeta dá em torno de si, que tem a duração total de 24 horas (1 dia) e é a responsável pela existência do dia e da noite. A translação é a volta que o planeta da em volta do sol, que tem duração de 356 dias (1 ano) e que é responsável pelas Estações, sendo assim responsável pelo fotoperíodo e pelo clima. Nosso planeta, possui um eixo de inclinação de 23°27’ em relação ao Sol, que no movimento de translação nos permite ter dias e noites mais longos ou curtos do que 12 horas em determinadas épocas do ano.


A Terra é dividida em 2 hemisférios, Norte e Sul e essa divisão é feita pela Linha do Equador (latitude 0°). Exatamente nessa linha divisória o tempo de luz solar diária não altera e se mantém com 12 horas o ano inteiro e é o local do globo com maior incidência solar (quase um ângulo de 90°, o verdadeiro Sol a pino) e menor variação (amplitude) de temperatura. No Brasil os estados cortados por essa linha são: Amazonas, Roraima, Pará e Amapá. Além dessa linha divisória imaginária, o planeta possui outras 4 linhas divisórias imaginárias conhecidas, o Trópico de Câncer (latitude 23,27° Hemisfério Norte), o Trópico de Capricórnio (latitude 23,27° Hemisfério Sul), o Círculo Polar Ártico (latitude 60° Hemisfério Norte) e o Círculo Polar Antártico (latitude 60° Hemisfério Sul). As 2 linhas dos Trópicos indicam o limite máximo em que os raios solares incidem verticalmente sobre a Terra durante os solstícios.


Cada hemisfério é dividido em 3 zonas climáticas principais partindo da linha do equador aos polos: a Zona Tropical (até latitude 23°27’), Zona Temperada (da latitude 23°27’ até latitude 60°), Círculos Polares (da latitude 60° até os polos). Essas zonas quanto mais distantes da Linha do Equador maior é a variação de tempo de luz solar por dia, dependendo da estação do ano. Enquanto a Linha do Equador possui 12 horas de luz solar por dia o ano todo, os pólos, as regiões mais extremas do planeta, possuem 24 horas de luz solar ou escuridão quando atingem os solstícios. Solstícios são os dias onde se alcançam o máximo e o mínimo tempo de luz solar no período de 24 horas. São os dias que marcam o início do verão e do inverno.


As Zonas Tropicais que compreendem a faixa entre os Trópicos de Câncer e de Capricórnio (entre as latitude 23°,27’ Hemisfério Norte e a latitude 23°,27’ Hemisfério Sul), conhecida como Zona Intertropical, envolve toda a área central do globo terrestre, tendo a Linha do Equador exatamente no meio. Se caracteriza pela alternância de períodos secos e úmidos, tendo 2 estações bem definidas: Inverno e Verão. Não apresenta grande amplitude térmica e uma grande variação de fotoperíodo entre os solstícios e os equinócios, no máximo 1 hora de diferença. As Zonas Temperadas se encontram entre as Zonas Tropicais e os Círculos Polares (entre as latitudes 23°,27’ Hemisferio Norte ou Sul e a latitude 60° Hemisfério Norte ou Sul). Apresentam estações bem definidas.


Essa variação de luz solar por dia é o que define as estações e que ocorre devido a posição que o nosso planeta se encontra em relação ao Sol. Possuímos quatro estações durante o ano, Primavera, Verão, Outono e Inverno, que se destacam mais nos seus fotoperíodos e clima, na medida em que se afasta da linha do Equador.


- Primavera: estação que sucede o Inverno e antecede o Verão, seu início é marcado pelo equinócio da Primavera (igualdade de luz solar e noite 12/12 horas) do dia 20 de setembro no Hemisfério Sul e do dia 20 de março no Hemisfério Norte quando a declinação solar atinge a latitude 0°. Possui temperaturas mais amenas, um leve aumento no número de chuvas e na umidade do ar, os dias começam a se alongar e a noite a encurtar. É conhecida como estação das flores devido ao período de reflorescimento da flora terrestre.


- Verão: estação que sucede a Primavera e antecede o Outono, seu início é marcado pelo solstício de Verão (dia de maior quantidade de luminosidade solar em 24 horas) quando a declinação solar atinge a latitude - 23,27° no dia 21 de dezembro no hemisfério sul e a latitude +23,27° no dia 21 de junho no Hemisfério Norte. Possui altas temperaturas, maior índice de chuvas e umidade do ar, e os dias são mais longos que as noites.


- Outono: estação de sucede o Verão e antecede o Inverno, seu início é marcado pelo equinócio de Outono (voltamos a ter igualdade de luz solar e noite 12/12 horas) do dia 20 de março no Hemisfério Sul e no dia 20 de setembro no Hemisfério Norte quando a declinação solar volta a atingir a latitude 0°. Possui uma leve queda de temperatura, redução nas chuvas e umidade do ar, os dias começam a se encurtar e as noites a alongar. Conhecida como a estação das folhas que caem.


- Inverno: estação de sucede o Outono e antecede a Primavera, seu início é marcado pelo solstício de Inverno (dia de menor quantidade de luminosidade solar em 24 horas) quando a declinação solar atinge a latitude + 23,27° no dia 21 de junho no Hemisfério Sul e a latitude -23,27° no dia 21 de dezembro no Hemisfério Norte. Apresenta uma queda maior de temperatura, baixo índice de chuva e umidade do ar, e os dias são mais curtos que a noite.



No próximo post daremos sequência no assunto, até mais!


CS Grow

16 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo